“Criminalizar a relação entre Estado e Empresa é perigoso”

13/10/2017 por ireebrasil


O advogado e ex-Ministro da Controladoria-Geral da União, Valdir Simão, defende que as instituições brasileiras têm força e freios capazes de reprimir e identificar atos de corrupção nas relações entre Estado e Empresa. Segundo ele, é preciso fortalecer ainda mais os sistemas de controle sem que isso signifique criminalizar a relação entre os agentes públicos e o setor privado. É preciso que os negócios sejam feitos de forma transparente e republicana, ele reitera, para que se construa uma administração pública sólida e uma sociedade melhor [8’10”]


Tags: corrupção, Direito empresarial, Empresa, Estado, Sistemas de controle,

Vídeos relacionados


“O lobby é ineficiente quando existe crise”

A cientista política Caroline Frassão fala sobre sua pesquisa “Lobby e Proteção da Indústria: uma análise do Plano Brasil Maior” e conta como o lobbying lícito foi essencial para o sucesso político dos setores analisados

Saiba mais

Operação Lava Jato e os Acordos de Leniência

O jurista e professor de Direito Modesto Carvalhosa critica os Acordos de Leniência celebrados no âmbito da Operação Lava Jato.

Saiba mais

Relação entre setores público e privado precisa de mudança estrutural

O jurista Modesto Carvalhosa comenta, em tom otimista, a relação entre Estado e Empresa. Segundo ele, os problemas na interação entre o Estado e as empresas estão na base dos problemas enfrentados pelo país

Saiba mais